Católicos famosos (2)

Eu cheguei a postar, no blogue, imagens de dois católicos famosos, ou seja, do Generalíssimo Franco e do General Pinochet. Poderia citar muito mais nomes, inclusive de brasileiros.

Esses ditadores, tanto na Espanha quanto no Chile, tiveram amplo apoio das forças armadas as quais comandavam. Golpes eram comuns no chamado período da Guerra Fria, e a  Igreja se colocava a facor devido ao medo do comunismo ateísta.Na América. recebiam suporte dos Estados Unidos. Quem estava a favor das propostas de reformas feitas por Jango, por exemplo, era considerado subversivo ou comunista. Brizola foi um dos mais perseguidos.

Mas a Igreja Católica apoiou todos os golpes de direita em épocas e países diferentes  como na Argentina, no Uruguai, no Brasil. Aqui na Pátria do Evangelho, a Igreja organizou a famosa “Marcha com Deus pela família e a liberdade”, em apoio ao golpe. Afinal, diziam que comunistas até “comiam criancinhas”.

Com o tempo, muitas autoridades da Igreja se posicionaram contra o golpe militar, como o bispo Dom Ivor Lorscheiter aqui de Santa Maria.(Mas eu escrevi um texro sobre A Mulher na Bíblia e publiquei no jornal A Razão, ele mão gostou e me enviou uma carta “me proibindo de comungar)”.

Mas porque postei fotos de Franco e Pinochet no blogue? Como eu sempre li jornal, via as fotos denotadas nas notícias, mostrando os ditadores recebendo a hóstia sagrada nas missas. Enquanto isso, nos porões da ditadura, os interrogatórios, as torturas e os assassinatos corriam soltos.

É um depoimento que faço para as gerações  novas que seguem o meu blogue.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: