Faca de dois gumes

Qualquer país que tivesse uma alta carga tributária poderia oferecer serviços de excelente qualidade aos cidadãos. Mais investimento na Saúde, Educação, Segurança, Infraestrura, et cetera, com a melhoria da qualidade do serviço público. Isso é o que todos  reivindicamos.

Com o aumento de impostos, tornar-se-ia viável a expansão e a manutenção dos programas sociais, num país com tanta população carente como o nosso. No meu modo de ver, esses seriam os aspectos positivos do uma alta carga tributária.

Mas a corrupção, que é a maior inimiga da administração pública, torna o Estado ineficiente e deficitário. A sonegação, como a que está sendo apurada pela Operação Zelotes, se confirmada, será um dos maiores crimes ficais do Brasil.

Esse prejuízo ao erário público não se restringe aos milhões sonegados pelas grandes empresas, mas se estende a todas as pessoas físicas e jurídicas que cometem esses crimes envolvendo valores menores.

Como o Estado não tem condições de fiscalizar e coibir a sonegação, sou levado a concluir que a alta tributação enriquece o sonegador e penaliza o contribuinte honesto, que enfrenta a concorrência desleal. Tem-se uma faca de dois gumes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: