Armas

Eu já me manifestei contra a liberação do porte de armas, posição difícil de se manter diante de tão poderosa indústria que dita as regras desse mercado.

De vo reconhecer também que o aumento da violência e o enfraquecimento da presença da segurança pública são fatores que estimulam a compra de armas. Até o cidadão que se diz cristão e pacífico tem lá o seu revólver ou pistola.

Eu não tenho nada, nem servi às forças armadas, que é a a organização da violência, mas gosto e estar mais ou menos informado sobre material bélico. Tecnologia de ponta.

Nesse sentido, tenho publicado, no meu blogue, notícias sobre  verdadeiras máquinas destruição produzidas na Rússia, que tem investido nessa indústria para driblar a crise econômica com a baixa cotação do petróleo. Os russos são grandes produtores de petróleo e gás natural.

Assim, não é por acaso que os europeus têm medo das armas russas. Elas são produtos do que existe de mais avançado em termos de tecnologia e poder de destruição, como a família dos caças Sukhoi e dos tanques Armata.

Infelizmente, a história da humanidade é uma história de guerras, há sempre um conflito religioso em que novas armas são “batizadas”. Mata-se até em nome de Deus.

Xô, fanatismo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: