Gringo da Colônia

O Governador Sartori, do Rio Grande do Sul, bolou uma maneira inteligente de pagar o 13º salário dos professores, parcelando-o em cestas básicas de produtos coloniais  sazionais.

A primeira parcela será paga no início do Ano Novo e terá melancia, melão, mogango, batata, abóbora, melado, ovo e pepino, entre outros. Garante que não faltarão o salame e a copa.

A segunda parcela, que será paga a partir de maio, terá laranja, bergamota, limão (para a caipirinha), feijão novo, ovos e muita mandioca. “No inverno, a bóia precisa ter sustância” – diz o Governador.

A última parcela, com a aproximação do Ano Novo de 2017, será enriquecida com leite, queijo, vinho da colônia, lingüiça, salame, etc. Como reconhecimento às professoras que votaram nele, cada uma delas vai receber um peru para comemorar o Natal.

Eco! Esse Sartori  ainda será um Papai Noel de saco cheio!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: