Caseiro

 

Há pouco tempo, eu e a Patroa ficamos de caseiros para um amigo que foi para a praia com a família. Estamos velhos, mas o serviço era pouco: cuidar da casa e dar ração e água para dois guaipecas e um gato.

Foi tudo tranqüilo, beleza. Ficamos durante uma semana lá, comendo, bebendo e dormindo como gatos em tapera.

Somente depois dos serviços prestados é que fiquei aborrecido: soube que a casa tinha câmeras em todas as peças. E eu andava por lá atiradão, pensando que ninguém estava me olhando.

Aí disse à Patroa: nunca mais caseireio em casa que tem câmera. Quando tu sais para orar e eu fico sozinho em casa, tomo o meu banho e transito à vontade, peladáo, de peça em peça.

Confesso que sou meio naturalista e gostaria de ir a uma praia de nudismo e só não faço isso porque estou muito barrigudo, ridículo.

O certo é que não serei mais caseiro, nem participarei de Pelados e Largados ou em qualquer coisa que tenha câmera.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: