Tempo de bergamota

Quando eu era guri, nos meses de abril e maio, andava sempre fedendo a bergamota.Tinha bastante lá em casa, plantação da minha avó Carmosina .
Eu era uma espécie de bugio que vivia de galho em galho colhendo frutas: bergamotas, laranjas, figos e outras da estação. As bergamotas colhia-as bem das pontas dos galhos, que eram as mais graúdas, maduras e doces.
Embora esse gosto pelas frutas, tornei-me um sem-terra,mas por onde andei sempre plantei árvores.
Em terras alheias, já tenho araucárias produzindo frutos.
Aqui no Rio Grande, no inverno, todo gaúcho gosta de um fogão à lenha; um mate bem topetudo. Pinhão e uma boa prosa. Além disso lagartear comendo bergamota é tão gostoso como amor de prima.
E eu comia bergamota até me empanturrar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: